CL Nivaldo Navarro: a memória e lenda viva do início do Leonismo Brasileiro

CL Laudir Poltronieri Rosa *
HISTÓRIA DO LEONISMO

SUA FUNDAÇÃO

Todos sabemos e a história nos tem contado que a data de 07 de Julho de 1917, é tida como a fundação do Leonismo pelo CL Melvin Jones, numa reunião com 20 delegados especialmente convidados para este fim, no Hotel La Salle em Chicago. Esta idéia já vinha ruminando em Melvin Jones desde 1913.

De 8 a 10 de Outubro naquele mesmo ano de 1917, em Dallas no Texas foi realizada a 1ª Convenção dos Lions Clubes somente com a participação de Clubes Americanos.

Decidiu-se então que o dia 8 de Outubro passaria a ser consagrado como o "Dia Mundial do Serviço Leonístico".

A partir daí houve outras Convenções e somente a partir de 1920, o Lions se tornou Internacional com a criação de um Clube no Canadá. Daí para ganhar o mundo inteiro foi só uma questão de tempo.

E NO BRASIL?

O CL NIVALDO NAVARRO (direita) e o CL José Carlos de Oliveira, Secretário do Lions de Recife - Boa Viagem e editor do JC Lions News - DLA-3
O CL NIVALDO NAVARRO (direita) e o CL José Carlos de Oliveira, Secretário do Lions de Recife - Boa Viagem e editor do JC Lions News - DLA-3
É de onde nós queremos partir, para neste dia, rendermos nossas sinceras homenagens a um mito do Leonismo Brasileiro que não pode e não deve ser esquecido quando se fala de Leonismo: CL NIVALDO NAVARRO.

Vamos conhecer o que representou para nós o seu Serviço Leonístico.

Observação - Doravante, todos os textos neste relato aqui apresentados e grifados em "itálico e negrito", são palavras proferidas pelo próprio CL Nivaldo Navarro.

O COMEÇO:

No dia 25 de Julho de 1925, numa pequena fazenda denominada de "El Gato", no Bairro de Catalina, Município de Güines, Província de Havana, em Cuba, veio ao mundo um "pequerrucho" que receberia no Registro Civil o nome de Santiago Nibardo Navarro Jorge. (A ortografia correta do nome é Nivaldo. Lamentavelmente, a maioria das pessoas ignora como deve ter acontecido com quem registrou seu nascimento, que o nome NIVALDO é originário das Ilhas Canárias com a sua própria ortografia).

Seus estudos primários foram numa Escola Rural do pequeno povoado de Rio Seco, cursando depois a Escola Superior Francisco de Arango y Parreño, ainda na cidade de Güines, onde adquiriu o título de "Bacharel em Ciências e Letras", com o qual pode ingressar na Escola de Direito da Universidade de Havana.

As atividades sociais de Nivaldo Navarro começaram quando ele tinha apenas onze (11) anos de idade, com a fundação de uma cooperativa de alunos na escola rural primaria em Rio Seco. Mais tarde fundou a Cruz Vermelha Juvenil na Escola Primaria Superior "Francisco de Arango y Parreño" e, posteriormente, ingressou na Cruz Vermelha Cubana. No Instituto de Ensino Secundário, foi eleito Secretario Estudantil de Cultura e, pela mesma época, foi eleito Secretario da Delegação da Central "Amistad" da Associação de Colonos de Cuba (produtores de cana de açúcar), o que requereu a sua emancipação do Patrio Poder. No ano seguinte, já na universidade, colaborou, ativamente, na fundação do Lions Clube de Güines, Prov. Havana, sua comunidade.

"Tomei conhecimento do Lions Clubes, por primeira vez, observando desde las alturas de La Cabaña, um grande desfile noturno de uma Convenção Internacional de Lions International, realizada na Havana alrededor de 1940 (acredito). Eu ainda era estudante e tinha ido a visitar minha avó, alí residente. Anos mais tarde me apresentaram a Daniel More, quem era Representante Especial do Lions International, pra que o ayudara a fundar o Lions Clube en Güines, minha cidade, o qual fiz e me elegeron Secretario. Mais tarde fui nomeado Delegado Internacional".

Cabe destacar a relevante atuação de Nivaldo Navarro durante 18 anos (1944 a 1962) como Delegado Internacional da Diretoria da Associação Internacional de Lions Clubes, com sede em USA, nomeado pelo Fundador e Secretario General Melvin Jones.

Em conseqüência, Nivaldo Navarro teve a missão de reorganizar e de fundar Clubes de Lions em Cuba e América Central e também para a fundação dos primeiros Lions Clubes no Peru, Chile, Bolívia, Uruguai, Brasil e Paramaribo; alem disso desempenhou missões especiais em Bogotá, Quito, Caracas, Buenos Aires y Assunção.

Os consistentes e múltiplos conhecimentos de Nivaldo Navarro se sustentam em uma copiosa e frutífera experiência vinculada aos seus estudos y atividades em Administração de Empresas, fazendo ênfase no complexo comportamento das pessoas quando tem que vender, comprar ou se associar, assim como na variada problemática que envolve a organização e direção das mesmas.

Nivaldo Navarro fala, lê e escreve o Espanhol, o Português e o Inglês. É considerado excelente orador e um expositor que possui una eficiente metodologia docente; ademais, tem morado e trabalhado em muitos dos países americanos, e tem assimilado a cultura e as práticas dos seus povos, das suas empresas e de algumas corporações transnacionais, razão pela qual as suas vivencias são o seu mais valioso ativo.

LIONS CHEGA AO BRASIL

O CL NIVALDO NAVARRO (direita) e o Reverendo Maurício Amazonas OSE, pároco da Paróquia Jardim das Oliveiras da Comunidade Anglicana
O CL NIVALDO NAVARRO (direita) e o Reverendo Maurício Amazonas OSE, pároco da Paróquia Jardim das Oliveiras da Comunidade Anglicana
Em dezembro de 1951, Nivaldo Navarro representando a Associação Internacional de Lions, estava em visita ao Lions Clube de Montevidéu, Uruguai com a missão de difundir o Leonismo na costa do Atlântico.

Por isso, conclamou os companheiros uruguaios para que se interessassem na fundação de um clube no Rio de Janeiro.

Na oportunidade, ocorreu uma feliz coincidência. Encontrava-se naquela capital, um ilustre brasileiro, Dr. Armando Fajardo, que ali fora assistir uma prova clássica de turfe que tem o seu nome.

O então presidente do clube uruguaio, Pedro Berro, também turfista, era amigo intimo de Fajardo. À vista do pedido de Navarro, o CL. Pedro Berro telegrafou a Fajardo que, após a prova, dirigira-se a Buenos Aires, Argentina.

O telegrama convidava Fajardo a fundar o Leonismo Brasileiro e esclarecia que os leões uruguaios aguardariam a sua passagem por Montevidéu, para os entendimentos necessários.

O encontro teve lugar no aeroporto de Carrasco, às quatro e meia da madrugada chuvosa, que dali partiu credenciado para a elevada missão.

No Rio de Janeiro, homem de negócio e da alta sociedade, o Dr. Armando Fajardo não encontrou dificuldades para arregimentar cerca de 40 pessoas que com ele, em 16 de abril de 1952, em almoço festivo nos salões do Jockey Clube Brasileiro, receberam o titulo e o distintivo de Leões.

O CL Nivaldo Navarro continuou suas andanças como Delegado de Lions, na missão de difundir o Leonismo pela América, mas continuou com o Brasil na memória, tendo aqui voltado algumas vezes a trabalho. Acabou ficando por aqui.

"Lá por l956, ingressei como Sócio do Lions Cube de São Paulo - Mooca, por razões que não lembro, pois nunca morei naquele bairro.

No ano de 1962 saí do Lions e depois, passei a trabalhar como Gerente da Área Sul Americana da Wayne Pump Co."

"Meu caro Laudir, entre os assuntos pessoais sobre os quais me consultas estão as minhas atividades relativas aos Lions Clubes, no particular e a minha situação atual inclusive minha família".

ALGUNS REGISTROS

EM ANÁPOLIS-GO

Trecho de Ata: "Em 10 de março de 1957, numa tarde ensolarada, pousava em nosso aeroporto, ainda com pista encascalhada, um avião D.C 3, da Real Aerovias, trazendo alguns passageiros especiais. Eram eles, CL Nivaldo Navarro, cubano, inteligente e simpático, ostentando a credencial de Delegado de Lions Internacional; Serafim Blanco; Argemiro Bressan; CL. Brito e Henrique Mélega. Todos pertencentes ao Lions Clube da Mooca, da Capital de São Paulo, que vinham com a missão de fundar, em Anápolis, primeiro Lions Clube, no Brasil Central.

Precisamente, às 21horas, no Pálace Hotel, ouviu-se o soar de um sino e o Delegado Internacional de Lion Clube, CL Nivaldo Navarro, com voz firme, pronunciou as seguintes palavras: "INVOCANDO A DEUS, PELA GRANDEZA DA PÁTRIA E PELA PAZ ENTRE OS HOMENS, DECLARO ABERTA ESTA ASSEMBLÉIA DE FUNDAÇÃO DO LIONS CLUBE DE ANÁPOLIS".

Desfraldou-se a Bandeira do Brasil, ao som do belíssimo Hino, cantado por todos, com vibração e entusiasmo. E estava fundado o LC de Anápolis-GO"

Em 22 de Maio de 1967 o CL Nivaldo Navarro, obteve a nacionalidade brasileira por Decreto Presidencial. Tem a Cédula de Identidade Brasileira Nº 1.131.652, expedida pelo Instituto Félix Pacheco, Estado da Guanabara, em 18/07/1967, e possui o CPF 086.334.857-00 expedido pela Secretaria da Receita Federal.

"Atualmente tenho a cidadania brasileira por naturalização outorgada em l967, pois fiquei sem autoridade cubana no Brasil, devido à ruptura de relações de todos os países das Américas com Cuba quando esta invadiu Venezuela no século passado.

Sou viúvo de Sara Berta Migueres Navaridas, nossos filhos Dinora e Carlos moram no Rio de Janeiro, a primera nombrada, e no Recife o segundo. O maior, Nivaldo Manuel mora em USA. Tenho dois filhos, só legais não naturais, que moram na Venezuela. Tenho seis netos, três homens e três mulheres.

Te conto, deixando a teu leal bem saber e entender o que deves e o que no deves publicar e como o fazer".

Pessoalmente sou aposentado pelo Governo Brasileiro que me paga um salário mínimo mensal. Os meus filhos ajudam com algo para me manter."

"Creio que antes de continuar devo insistir, em primeiro lugar, que posso ser considerado um fato porem, não um "mito", como meus nobres amigos querem. Você não acha? Fundar é relativamente fácil comparado com o mantimento durante mais de 50 anos.

Em segundo lugar, não esqueças que falo de memória, porque mis archivos se perderan com varios artigos mais, com parte da mudança que fiz por barco, entre el Perú e Venezuela faz varios anos".

O CL Nivaldo Navarro reside hoje na cidade de Recife. Não pertence mais a nenhum Lions Clube no Brasil, isto por enquanto, pois o EGD CL José Aristóteles Falcão já o convidou a ingressar no LC Recife-Centro e ele está por decidir. Talvez com um incentivo dos Confrades ele volte a ativa.

Logo que chegou ao Recife o CL Falcão o convidou para participar de uma Assembléia Festiva e ele compareceu com dois filhos, netas e genro, tendo sido honrado com uma homenagem. - Um filho dele, Carlos Navarro também tem convite do CL Falcão.

O LC Recife-Centro disputa seu ingresso com o LC Recife-Boa Viagem, vejam:

"Na noite de 18 de Março de 2008, o LIONS CLUBE DE RECIFE BOA VIAGEM realizou reunião especial de sua Diretoria e abriu espaço para receber e homenagear o CL SANTIAGO NIVALDO NAVARRO JORGE, de 84 anos de idade, Ex-Delegado Internacional do Lions".

"A Presidente Cal Ana Lúcia de Albuquerque Santos, realçou a presença do CL NIVALDO NAVARRO e informou tratar-se de especial companheiro e um dos pioneiros do Leonismo no Brasil, que nos honrava com ilustre comparecimento à nossa reunião".

Vamos torcer para que um deles consiga trazer de volta ao nosso convívio a insigne figura deste Mito Nivaldo Navarro, gênese do Leonismo Brasileiro.

Na nossa troca de informações, fez questão de informar seu endereço e telefone para quem quiser fazer contato.

Uma das citações que ele mais gosta de pronunciar é:

"Cuanto más leo tus mails más pienso en nuestros próceres y en lo que decían, por ejemplo:

José Martí:"haga Hombres quien quiera hacer pueblos" que em tradução livre disse: "faça cidadãos quem quiser ter nações".

"A minha vida, desde o meu nascimento até hoje, não é mais minha pois pertence plenamente a DEUS.

Podes fazer com ela o que a Ele goste. Eu estou as tuas ordens,

Meu endereço postal: Rua Camboim Nº 965, Aptº 204, Setubal, Boa Viagem - Recife, Pernambuco, Brasil. CEP 51130-110.

Falta informar-te que sou membro da Paróquia Jardim das Oliveiras da comunidade Anglicana, cujo Pároco é o Rev. Mauricio Amazonas OSE.

Um fraternal abraço do amigo de sempre,

Nivaldo"

Ele atende pelo telefone celular nº (81) 9919-5053 ou pelos e-mails:

nivaldonavarro@yahoo.com ou archivosnn@yahoo.com.

Esta é a minha homenagem ao CL Nivaldo Navarro.


CL Laudir Poltronieri Rosa * CL Laudir Poltronieri Rosa
II Vice Presidente da confraria APLIONS (Apaixonados por Lions)
Lions Clube de São Mateus - Cricaré - DLC-11
Assessor de Comunicação do Distrito Múltiplo LC
Assessor de Comunicação Distrito LC-11
E-mail: marlenrosa@terra.com.br
Não deixe de ler também...
O pequeno Júlio Macarini Pacheco, no momento em que recebe o título de Companheiro de Melvin Jones

Bebê é o mais jovem companheiro de Melvin Jones do mundo

Júlio Macarini Pacheco, com apenas três meses de idade, tornou-se o mais jovem Companheiro de Melvin Jones do mundo! A ideia foi do novo Presidente do Lions Clube Novo Hamburgo - Terceiro Milênio, CL Vilnei Edmundo Lenz, que assumiu a presidência na época do nascimento do bebê, coincidentemente filho de seu antecessor no cargo, Jardel da Mota Pacheco.

 
 
 
 
Clique para voltar à primeira página

Choose other language
Escoja otro idioma
Click the UK flag for a message in English   Haga click en la bandera de España para un mensaje en español

Logotipo I Believe, do Presidente Internacional

Instruções Leonísticas
Clique para voltar à primeira página
Conteúdo relacionado:
Digite abaixo o que procura no site Instruções Leonísticas:
 

Participe do site Instruções
Leonísticas: envie artigos, notícias, links ou eventos.
Clique aqui e veja como.


Sites em destaque:

Leia a coletânea Instruções Leonísticas Motivacionais Logotipo Rosane de las Américas
Visite o site da
Dir. Internacional Biênio 2008/2010 Rosane Vailatti


Visite a Fundação Lions Internacional

Visite o site da AGDL e tome conhecimento de todas as notícias e assuntos atinentes à associação
Associação dos Governadores dos Dist. Múltiplos L
Conheça o Clube Filatélico do Lions Internacional que congrega filatelistas associados dos Lions Clubes em todo o mundo
LISC: Lions International Stamp Club

Leia aqui artigos sobre jornalismo, educação, tecnologia e as combinações disso tudo
A Apple deveria tirar seus advogados de cena e deixar seus engenheiros liderarem a disputa com a concorrência. Ainda mais se pensarmos que a mesma Apple já foi uma "pirata".